facnopar

Copel lança Programa de Demissão Voluntária para trabalhadores a partir de segunda (28); entenda

Pedidos podem ser feitos até o dia 15 de setembro. Programa estava previsto em acordo assinado em janeiro, antes da efetivação da venda da companhia.

Por Jornal Portal do Paraná em 25/08/2023 às 13:48:11

A Companhia Paranaense de Energia (Copel) lançou o Programa de Demissão Voluntária (PDV), onde o trabalhadores podem solicitar a adesão a partir de segunda-feira (28), onde deverá receber 30 emunerações como compensação indenizatória pela extinção do contrato de trabalho.

O programa estava previsto no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT), assinado em janeiro. O pedido pode ser feito até o dia 15 de setembro.

O que o trabalhador deve ganhar ao solicitar a demissão voluntária:

  • 30 remunerações - valor mínimo de R$ 150 mil;
  • Companhia deve pagar uma multa de 40% do valor base para fins rescisório do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS);
  • 12 meses de subsídio para plano de saúde e vale alimentação.

As adesões serão efetivadas após o dia 6 de outubro. O desligamento do funcionário deve ocorrer no período de um ano a contar a data da efetivação da Copel em Corporação, realizada no dia 11 de agosto.

A indenização do PDV está limitado ao orçamento de R$ 300 milhões, sem considerar a multa do FGTS e o subsídio de um ano do plano de saúde e vale alimentação.

Critério de seleção

Segundo a Copel, o critério de seleção para efetivar as adesões será o ranqueamento decrescente da soma de idade, ou seja, do mais velho para o mais novo, e tempo de empresa até atingir o limite financeiro.

Comunicar erro
#001

Comentários

Anuncie 5